Lição 6 - Na Salvação, o Novo Nascimento

1º Trimestre de 2019

ESBOÇO DA LIÇÃO:
EXPIAÇÃO, EXPIA O QUÊ
A MORTE SUBSTITUTIVA DE JESUS
EU NASCI DE NOVO

OBJETIVOS:
Explicar o termo Expiação;
Apontar a morte de Jesus como substitutiva para a humanidade;
Afirmar que o novo nascimento é produto da operação da salvação de Deus para o homem.

Prezado professor, prezada professora, a aula desta semana será sobre o tema da salvação. É muito proveitoso ler o capítulo sobre a Salvação em uma Teologia Sistemática a fim de preparar-se para a aula. Claro que é bom fazer esse exercício em relação aos temas de toda a lição, mas destacamos este sobre a Salvação porque se trata de um tema que gera grandes polêmicas. Nossa teologia tem uma posição bem definida em relação a esse tema, por isso é importante dialogarmos com homens de Deus que dedicaram a vida para se esmerar nesses assuntos. Logo, sugerimos a obra Teologia Sistemática: uma Perspectiva Pentecostal, editada pela CPAD, e a Teologia Sistemática Pentecostal, também editada pela CPAD, para sua consulta.

Ao ler o capítulo sobre a Soteriologia, termo técnico usado em Teologia para se referir ao estudo da Salvação, você irá se deparar com as seguintes expressões: Justificação, Regeneração, Adoção e Santificação. Será bem interessante, e de muito proveito, abordar esses aspectos da Salvação após a exposição do terceiro tópico da lição. Sugerimos que essa exposição seja feita após a apresentação do terceiro tópico porque este trata acerca do Novo Nascimento.Logo, e de maneira sucinta, podemos dizer sobre os aspectos da salvação que: 

1. A Justificação é um termo judicial que nos faz lembrar um tribunal. O homem, culpado e condenado, perante Deus, é absolvido e declarado justo, isto é, justificado.

2. A Regeneração (a experiência subjetiva) e a Adoção (o privilégio objetivo) sugerem uma cena familiar. A alma, morta em transgressões e ofensas, precisa duma nova vida, sendo ela concedida por um ato divino de regeneração. A pessoa, por conseguinte, torna-se herdeira de Deus e membro de Sua família.

3. A palavra Santificação [gr. hagiazõ e katharizõ; significa “santificar, separar, purificar, dedicar ou consagrar] sugere uma cena junto ao Templo, pois essa palavra relaciona-se com o culto a Deus. Harmonizadas suas relações com a lei de Deus e tendo recebido uma nova vida, a pessoa, dessa hora em diante, dedica-se ao serviço de Deus. Comprado por elevado preço, já não é dono de si; não mais se afasta do templo (figurativamente falando), mas serve a Deus de dia e de noite (Lucas 2.37). Tal pessoa é santificada e por sua própria vontade entrega-se a Deus. 

Boa aula! 

Por Marcelo Oliveira de Oliveira
Editor Responsável pela revista Adolescentes Vencedores

Cadastre-se e receba ofertas e novidades por e-mail.