Lição 6 - Fui Escolhido

2º Trimestre de 2019

OBJETIVOS
Estimular a comunhão e a intimidade com Deus; 
Ensinar que Deus exalta os pequenos e desprezados;  
Mostrar as formas que Deus tem de escolher seus servos.

ESBOÇO DA LIÇÃO:
A NECESSIDADE DE UM NOVO REI PARA ISRAEL
O MENOR DE SEUS IRMÃOS
A UNÇÃO DE DEUS NA VIDA DE DAVI
UM HOMEM SEGUNDO O CORAÇÃO DE DEUS

A vida de Davi, na perspectiva de viver uma espiritualidade verdadeira, é um grande exemplo. Por isso, na lição desta semana veremos como é importante cultivar uma vida de comunhão e de intimidade com Deus, passando pelo fato de que Deus contempla a verdade de nossas ações. Davi cria tanto nisso que fez uma famosa oração: “Sonda-me, ó Deus”. A fim de ajudar o prezado professor e a prezada professora disponibilizamos o texto abaixo como referência de reflexão na preparação de sua aula. Sem dúvida, o Deus que sondou o coração de Davi, sondará o seu e o de seu aluno. 

Boa aula! 

“DEUS SONDA O CORAÇÃO

‘Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração’. Estas não são as palavras de um desafio orgulhoso; são a confissão de um homem ciente de que Deus descobrirá nele alguma coisa má, no entanto quer que tudo seja trazido à lume para então ser extirpado. 

Como você pode obter coragem para orar assim? Precisa ter o ponto de vista certo quanto à natureza de Deus, e assim terá confiança. Se você pensa que Deus é um investigador severo e um juiz austero, é provável que você se encolha diante dEle como certas plantas sensíveis, na tentativa de esconder dEle os seus pecados. Mas se você reconhece que Deus é um Pai gracioso e amoroso, pode abrir a Ele o seu coração com confiança e júbilo, sabendo que Ele o contempla com olhar de misericórdia. Pedro tendo aprendido a não confiar demasiadamente em si mesmo, dependia totalmente do conhecimento e amor de Cristo quando disse: ‘Senhor, tu sabes todas as cousas, tu sabes que eu te amo’ (Jo 21.17). 

Já que Deus conhece de antemão o nosso coração, por que orar a Ele? Porque a oração do versículo 23, convidando Deus a sondar o coração, visa ao propósito de nos limpar do pecado, e Deus somente faz isso quando recebe nosso consentimento. Esta oração deve ser proferida tendo em mente a promessa: ‘E o sangue de Jesus Cristo, seu filho, nos purifica de todo o pecado’.” (Texto extraído da obra Salmos: Orando com os Filhos de Israel, editada pela CPAD).  

Marcelo Oliveira de Oliveira
Editor da revista Adolescentes Vencedores

Cadastre-se e receba ofertas e novidades por e-mail.