Subsídios Lições Bíblicas - Adultos

Lição 2 - Para Ouvir e Anunciar a Palavra de Deus

 4º Trimestre de 2018

ESBOÇO GERAL
I – INTERPRETAÇÃO DA PARÁBOLA DO SEMEADOR
II – A IMPORTÂNCIA DE OUVIR O EVANGELHO
III – O CHAMADO PARA ANUNCIAR O EVANGELHO

O CHAMADO PARA ANUNCIAR O EVANGELHO

Wagner Tadeu dos Santos Gaby
Eliel dos Santos Gaby

 O termo grego kerigma está associado a ideia de “proclamar”, ou seja, “pregar”. Sua origem está na palavra latina missio, que significa “ato de enviar”; “incumbência”; “encargo”; “enviado” e “correio”. Refere-se à obrigação da igreja em proclamar o evangelho a todos os homens em todas as partes do mundo. Esta é a missão principal da igreja, expressa em Marcos 16.15 que nos diz: “E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura”. O cumprimento desta missão é entendido pelo apóstolo Paulo como uma preciosidade, conforme Atos 20.24: “Mas em nada tenho a minha vida por preciosa, contanto que cumpra com alegria a minha carreira e o ministério que recebi do Senhor Jesus, para dar testemunho do evangelho da graça de Deus”. Nas últimas considerações aos seus discípulos, Jesus enfatizou a necessidade do cumprimento da missão da igreja, de acordo com Atos 1.8, dizendo: “Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas tanto em Jerusalém como em toda a Judeia e Samaria e até aos confins da terra”.

Champlin, no comentário de Rm 10.17, destaca que “o propósito da pregação cristã é o de despertar a fé nos homens, dirigindo-lhes a alma para o seu destino apropriado”,1 através do compartilhamento de uma mensagem genuinamente cristocêntrica. Este autor também destaca que “os pregadores do evangelho não deveriam preocupar-se em entreter suas respectivas congregações, impressionando os crentes com os seus conhecimentos pessoais ou proferindo declarações espirituosas, conforme faziam os antigos sofistas da Grécia, pensando estes que essa era a grande finalidade de suas ativiades intelectuais e retóricas. Pelo contrário, a exemplo dos primeiros pregadores cristãos, os pregadores de todos os tempos devem mostrar-se sérios quanto à sua mensagem, a mensagem de Cristo”.2

Coleman, na obra “Plano mestre de evangelismo” destaca na refelxão da passagem bíblica de Mt 28.19 em que mostra que “esse trecho bíblico significa que aos discípulos cabia irem pelo mundo, conquistando a outros, que se tornariam no que eles mesmos já eram – discípulos de Cristo. Essa missão se destaca ainda mais enfaticamente quando estudamos o original grego dessa passagem, onde se verifica que os vocabulários “ir”, “batizar” e “ensinar” são todos particípios, que derivam a sua força do verbo controlar traduzido aqui por “fazer discípulos”. “Isso significa que a grande comissão não consiste meramente dos discípulos irem até às extremidades da terra a pregar o evangelho, nem de batizar muitos convertidos em nome do Deus triúno, nem de ensinar-lhes os preceitos de Cristo, mas sim em levar outros a seguir os caminhos do Senhor. Assim, na proporção que fossem  feitos outros discípulos é que as demais atividades da grande comissão poderiam preencher o seu propósito”.3

O maior serviço que qualquer cristão (ministros, pregadores, ensinadores, autores, professores da Escola Bíblica Dominical) pode e deve realizar é semear a boa semente da Palavra de Deus através do testemunho pessoal, dos lábios e da literatura. A mesma Palavra de Deus pode ser plantada em nossos dias; mas os resultados serão determinados pelo coração daquele que ouve. Alguns são solo de beira de estrada, duro, impermeável. Eles não têm uma mente aberta e receptiva para permitir que a Palavra de Deus os transforme. O Evangelho nunca transformará corações como estes porque eles não lhes permitem entrar. Quando Jesus terminou de contar a parábola do Semeador, exclamou: "Quem tem ouvidos para ouvir, ouça!" (Mt 13.9). É importante que nós ouçamos bem quando a Palavra de Deus está sendo proclamada, para obter fé por meio dela (Rm 10.17). O quadro abaixo sintetiza o testemunho de alguns homens na história que marcaram o seu tempo pelo desejo em ganhar almas através da proclamação da mensagem de Cristo:

 George Whitefield   “Se não queres dar-me almas, retira a minha!”
 Dwight L. Moody  “Usa-me, então, meu Salvador, para qualquer alvo e em qualquer maneira que precisares. Aqui está meu pobre coração, uma vasilha vazia, enche-me com a Tua graça.”
 Henrique Martyn   “Aqui quero ser inteiramente gasto por Deus.”
 Davi Brainerd   “Eis-me aqui, Senhor. Envia-me a mim! Envia-me até os confins da terra: envia-me aos bárbaros habitantes das selvas; envia-me para longe de tudo que tem o nome de conforto, na terra; envia-me mesmo para a morte, se for no Teu serviço e para o progresso do Teu reino.”
 Elton Trueblood   "O evangelismo ocorre quando o crente fica tão inflamado em contato com o fogo central de Cristo, que, por sua vez, põe fogo nos outros.”
 Dick Hills  "Cada coração com Cristo é um missionário e cada coração sem Cristo é um campo missionário.”
 Walter B. Knight  "Quando Jesus diz: "Vinde" - Ele vem nos encontrar. Quando Ele diz: "Ide" - Ele vai conosco.”
 Matthew Henry  “Sinto maior gozo em ganhar uma alma para Cristo, do que em ganhar montanhas de ouro e prata, para mim mesmo.”
Bill Bright  “Não existe chamado mais alto ou privilégio algum maior, conhecido para o homem, do que envolver-se em completar a Grande Comissão.”
Peter Taylor Forsyth  “Não é nossa escolha levarmos ou não o Evangelho. É nossa morte se não o fizermos”.
S.D. Gordon  “Se perdermos o espírito do ‘Ide’, perdemos o espírito cristão. Uma igreja desobediente se converterá em uma igreja morta; morrerá de uma parada cardíaca.”
J. Blanchard "A grande necessidade da igreja é ter um espírito de evangelização, não um esforço evangelístico temporário."
E. Wilson Carlisle  "Evangelização é a tarefa perpétua de toda a igreja, não o passatempo peculiar de alguns de seus membros".
Marvyo Darley  “Da mesma forma como os bombeiros têm pressa em apagar as chamas de um grande fogo para salvar as vidas, deveríamos ter pressa em incendiar o mundo com o fogo do Espírito Santo para realmente salvar as vidas.”
David Brainerd  “Nunca me preocupei com onde viveria, nem como viveria, nem que provações teria que sofrer, desde que assim eu pudesse ganhar mais almas para Cristo.”
 Reinhard Bonnke  “O Evangelho é eterno, porém não temos a eternidade para pregá-lo…Nós só temos o tempo que vivemos para alcançarmos aqueles que vivem enquanto vivemos.”
Arthur Skevington Wood “Nenhum refinamento de técnica pode suprir a falta do reconhecimento de que a Palavra de Deus é, por si mesma, o verdadeiro método de evangelização.”
Robert E. Coleman  “Quando o nosso coração está cheio da presença de Cristo, a evangelização é tão inevitável quanto contagiante.”
Richard C. Halverson “Parece que a evangelização nunca foi um ‘problema’ no Novo Testamento. Isso quer dizer que não encontramos os apóstolos recomendando, exortando, repreendendo, planejando e organizando programas evangelísticos... A evangelização acontecia! Emanando sem esforços da comunidade de crentes como a luz emana do sol, era automática, espontânea, contínua, contagiante.”
Richard Cecil  “Amar a pregação é uma coisa  ̶  amar as pessoas a quem pregamos é outra.”
Richard Baxter  “Se conseguirmos pregar somente Cristo para nosso povo, teremos pregado tudo a eles.”
John Wesley  “Dêem-me cem pregadores que não temam nada a não ser o pecado e não desejem nada a não ser Deus, e eu não darei a mínima atenção ao fato de serem eles ministros ou leigos; sozinhos abalarão as portas do inferno e implantarão o reino dos céus na terra.”

(Texto extraído da obra “As Parábolas de Jesus:As verdades e princípios divinos para uma vida abundante. 1. ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2018”. ) 


1 Ibidem. p. 781.
2 Ibidem.
3 COLEMAN, Robert. E. Plano mestre de Evangelismo. 2ª ed. São Paulo: Mundo Cristão, 2006. p.88.


 

Prezado professor, aqui você pode contar com mais um recurso no preparo de suas Lições Bíblicas de Adultos. Nossos subsídios estarão disponíveis toda semana. Porém, é importante ressaltar que os subsídios são mais um recurso para ajudá-lo na sua tarefa de ensinar a Palavra de Deus. Eles não vão esgotar todo o assunto e não se trata de uma nova lição (uma lição extra). Você não pode substituir o seu estudo pessoal e o seu plano de aula, pois o nosso objetivo é fazer um resumo das lições. Sabemos que ensinar não é uma tarefa fácil, pois exige dedicação, estudo, planejamento e reflexão, por isso, estamos preparando esse material com o objetivo de ajudá-lo.

Videoaula - pastor Wagner Tadeu dos Santos Gaby

  

Cadastre-se e receba ofertas e novidades por e-mail.