Subsídios Lições Bíblicas - Adultos

Lição 3 - A Mordomia da Alma e do Espírito

3º Trimestre de 2019

ESBOÇO GERAL
I – CONCEITUANDO ALMA E ESPÍRITO
II. A MORDOMIA DA ALMA: “O HOMEM INTERIOR” 
III – A MORDOMIA DO ESPÍRITO

Elinaldo Renovato

O materialista, enganado pela falsa “Teoria da Evolução”, acredita que o homem surgiu “por acaso” e “evoluiu por acaso” e admite que o ser humano apenas tem um corpo com uma mente inteligente, mas não tem alma nem espírito. Para o materialista, a única coisa que se pode provar existente é a matéria, energias físicas e processos físicos. Os materialistas veem a Bíblia como um livro cheio de mitos, estórias e invencionices religiosas. Não acreditam em nada de ordem espiritual. Enquadram-se na categoria de “ímpios” a que se referiu o salmista em sua soberba perante o transcendente. “Por causa do seu orgulho, o ímpio não investiga; todas as suas cogitações são: Não há Deus” (Sl 10.4; 53.1).

Ao negar a existência de Deus, o Criador, o materialista nega a existência da alma e do espírito humano. Como só acredita na existência da matéria, para ele o corpo é matéria, o único elemento da constituição do homem. Certamente, quando estiverem diante de Deus no Juízo Final, todos terão a mais terrível decepção e o mais cruel dos arrependimentos, pois não terão mais oportunidade de reconhecer sua soberba. Imaginemos os médicos, os biólogos, os químicos, que estudam a vida e os seres vivos e admitem que o corpo, com sua organização e complexidade, pode ser resultado de um processo aleatório. Preferem ignorar que o acaso nunca produziu nem produz nada que seja organizado e complexo. 

No entanto, para nós, os crentes em Deus, sua Palavra revela-nos a origem de todas as coisas, do Universo, dos seres vivos, da vida e do homem. De acordo com a Palavra de Deus, o ser humano é formado de três partes: “espírito, e alma, e corpo” (1 Ts 5.23). Nessa tricotomia, a parte material, tangível, é o corpo, com sua estrutura extraordinária e complexa chamado de “homem exterior” (ver 2 Co 4.16). A parte interior, intangível, é formada do espírito e da alma, que integram o homem juntamente com o corpo (1 Ts 5.23). 

Assim como vimos no capítulo anterior, no qual falamos sobre a mordomia do corpo, estudaremos a mordomia da alma e do espírito humano neste capítulo, buscando entender o que nos ensina e exorta a Palavra de Deus sobre como tratar do “homem interior” (Rm 7.22; Ef 3.16). Veremos que, se cuidar da mordomia do corpo é difícil em termos espirituais, desenvolver a mordomia da alma e do espírito humano é algo muito mais complexo, pois envolve a fonte dos pensamentos e ideias humanas, que influem e têm reflexos diretos na vida espiritual. Um problema no corpo, de ordem natural ou orgânica, pode ser resolvido com terapias humanas, mas os problemas da alma e do espírito humano exigem soluções de ordem espiritual, que transcendem à visão natural do homem. 

A formação da parte interior do ser, da alma e do espírito foi feita por Deus. Diz a Bíblia: “[...] e soprou em seus narizes o fôlego da vida; e o homem foi feito alma vivente”. Como foi esse processo? Que fôlego foi esse? De que se constituiu em sua plenitude? Dali surgiu a alma somente ou a alma e o espírito? São a mesma coisa ou são entes distintos? E mais que isso: como se propaga a alma? Não é difícil entender como o corpo humano é gerado no ventre da mãe, sobretudo hoje com os recursos da ultrassonografia moderna. Mas como a alma é “gerada”? Como se multiplica? E o espírito? Ele difere da alma ou é sinônimo dela? Como a alma “entra” no embrião? 

O cristão não é obrigado a conhecer todos os detalhes acerca da alma, sua origem, formação e natureza, mas a mordomia da alma e do espírito do homem necessita, antes de tudo, da fé em Deus e da presença dEle em sua vida, de sua entrega incondicional a Cristo Jesus como seu Salvador, bem como a ação poderosa do Espírito Santo agindo na sua mente e pensamentos. São soluções sobrenaturais, que dependem da fé em Deus e em sua Palavra. Meditaremos, assim, nesse importante tema de natureza bíblica e espiritual. 

Texto extraído da obra “Tempo, Bens e Talentos”, editada pela CPAD.

Prezado professor, aqui você pode contar com mais um recurso no preparo de suas Lições Bíblicas de Adultos. Nossos subsídios estarão à disposição toda semana. Porém, é importante ressaltar que os subsídios são mais um recurso para ajudá-lo na sua tarefa de ensinar a Palavra de Deus. Eles não vão esgotar todo o assunto e não é uma nova lição (uma lição extra). Você não pode substituir o seu estudo pessoal e o seu plano de aula, pois o nosso objetivo é fazer um resumo das lições. Sabemos que ensinar não é uma tarefa fácil, pois exige dedicação, estudo, planejamento e reflexão, por isso, estamos preparando esse material com o objetivo de ajudá-lo. 

Videoaula - pastor Elinaldo Renovato

   

Cadastre-se e receba ofertas e novidades por e-mail.