Lição 10 - Um grande sermão

3º Trimestre de 2019

Texto Bíblico – Mateus 5.1-12.

Prezado(a) Professor(a),

Na aula desta semana seus alunos aprenderão a respeito da verdadeira felicidade. Jesus ensinou que existem atitudes que trazem a verdadeira felicidade aos nossos corações. Muitos procuram a felicidade em várias coisas deste mundo, achando que os bens materiais ou os prazeres da vida terrena podem preencher o vazio que sentem ou trazer alegria. Por isso, é importante que seus alunos aprendam desde cedo a respeito da verdadeira felicidade. 

Jesus expôs a vontade de Deus para os seus servos quando detalhou o Sermão do Monte (cf. Mt 5.1-12). Os ensinamentos apresentados neste sermão remetem às qualidades do caráter do cristão.

“Grandes multidões seguiam Jesus. Ele era o principal assunto da cidade; todos queriam vê-lo. Os discípulos, os companheiros mais íntimos desde homem popular, certamente foram tentados a sentirem-se importantes, orgulhosos e possessivos. Estar com Jesus não apenas lhes garantia prestígio, mas também poderia constituir-se numa oportunidade para receber dinheiro e poder.

As multidões se reuniam mais uma vez. Porém antes de dirigir-se a tão grande número de ouvintes, Jesus chamou seus discípulos à parte e advertiu-os sobre as tentações que enfrentariam como companheiros dEle. Disse-lhes que não esperassem fama e fortuna, mas pranto, fome e perseguição. No entanto, Jesus garantiu a seus discípulos que seriam recompensados, mas talvez não nesta vida.

Pode haver ocasiões em que seguir a Jesus traga grande popularidade. Aqueles que não viverem de acordo com as palavras de Jesus neste sermão poderão, para própria desgraça, usar a mensagem de Deus somente para promover seus interesses pessoais.

Jesus começou seu sermão com palavras que pareciam contradizer-se. Mas o modo de vida de Deu normalmente contradiz o do mundo. Se você deseja viver para Deus, deve estar pronto para dizer e fazer o que parece estranho para o mundo. Deve estar disposto a dar quando outros abusam. Abrindo mão de seus direitos e benefícios a fim de servir os outros, um dia receberá tudo o que Deus tem reservado para você.

Há pelo menos quatro considerações sobre as bem-aventuranças. (1) São um código de ética para os discípulos e um padrão de conduta para todos os cristãos. (2) Contrastam os valores do Reino, que é eterno, com os terrenos, que são temporários. (3) Contrastam a fé superficial dos fariseus com a fé real que Cristo exige. (4) Demonstram que as expectativas do Antigo Testamento cumprir-se-ão no novo Reino.

As bem-aventuranças não nos permitem escolher aquelas que nos agradam e desprezar as demais; devem ser consideradas como um todo, pois relacionam o que nós enfrentamos e como devemos agir como seguidores de Cristo” (Bíblia de Estudo Aplicação Pessoal. Rio de Janeiro: CPAD, 2003, pp. 1222-23).

Como bons discípulos é nosso dever permitir que o Espírito Santo aperfeiçoe o caráter de Cristo em nós, a fim de que todas estas qualidades citadas no Sermão do Monte façam parte da nossa realidade diária. 

Para reforçar o ensinamento da lição de hoje, sugerimos a seguinte atividade:

Confeccione cartões com as palavras abaixo e coloque em uma sacola. Leia novamente o texto bíblico do Sermão do Monte, juntamente com seus alunos. Em seguida, retire as palavras da sacola, uma de cada vez, apresente para a turma e pergunte a qual bem-aventurança se refere.

 HUMILDADE – POBRE – FOME – MISERICÓRDIA –CORAÇÃO – PAZ – PERSEGUIÇÃO – CHORO

Cadastre-se e receba ofertas e novidades por e-mail.