Lição 9 - Uma Pequena Semente

4º Trimestre de 2019

 

Texto Bíblico – Mateus 13.31-33; Lucas 13.18-21.

Prezado(a) professor(a),

Na lição desta semana seus alunos aprenderão que os valores do Reino de Deus são opostos aos valores da terra. A dinâmica celestial é diferente daquela que interpretamos na esfera material. Deus, por várias vezes, apresenta em sua Palavra que as coisas que muitas vezes consideramos insignificantes nesta vida são justamente as que Ele usa para nos surpreender. O apóstolo Paulo declara aos coríntios que “para envergonhar os sábios, Deus escolheu aquilo que o mundo acha que é loucura; e, para envergonhar os poderosos, ele escolheu aquilo que o mundo acha que é fraco” (cf. 1 Co 1.27). No Reino de Deus não há lugar para a aparência ou autossuficiência, pois todas as coisas são realizadas para a glória do nome dEle.

Em ambas as parábolas, apresentadas na lição, o ensinamento central é que Deus considera as pequenas coisas com a mesma importância que as grandes. Aquilo que aparentemente parecia pequeno e infrutífero se torna grande e produtivo no Reino de Deus. Assim se iniciou o trabalho de Jesus quando pregava o evangelho pela antiga Palestina. No início havia poucos discípulos, apenas doze, mas com passar dos dias várias pessoas decidiram seguir Jesus, não importasse aonde o Mestre fosse. Todas tinham a mesma necessidade: estar com Jesus. Com isso, a pregação do evangelho se espalhou por todo o Israel até atingir outras nações, e não muito tempo depois, todo o mundo antigo se apropriou da boa semente do Reino. A Bíblia de Estudo Aplicação Pessoal (2003, p. 1382) discorre a respeito:

A expectativa geral entre os ouvintes de Jesus era a de que o Messias viria como um grande rei e, como tal, livraria a nação judaica de Roma e restabeleceria a antiga glória de Israel. Mas Jesus disse que seu Reino começava silenciosamente. Como a minúscula semente de mostarda, que cresce e transforma-se em uma árvore enorme, ou como um pouco de fermento, que faz dobrar de tamanho a massa de pão, o Reino de Deus se expandirá até que o mundo inteiro seja mudado.

Compreender como o Reino de Deus funciona é importante para que os seus alunos saibam como se comportar dentro dele. Assim como o evangelho se disseminou a partir de Cristo e assumiu a dimensão que vemos hoje, é possível que a ação do Espírito continue a realizar grandes feitos a partir da vida de pessoas que aos olhos da sociedade pareçam insignificantes. Deus continua a surpreender os sábios em sua sabedoria e a chamar as coisas que não são para confundir as que são, a fim de que somente o Seu nome seja engrandecido.

Dito essas coisas, aproveite e mostre para os seus alunos que eles fazem parte do Reino celestial e, assim como o Reino começou como uma pequena semente, explique que Deus os chamou ainda na infância para uma grande obra. Diga que, na verdade, o mais importante no Reino de Deus não é que as nossas habilidades e capacidades apareçam para que sejamos notados ou mesmo elogiados, mas que a nossa vida seja apresentada a Deus com o intuito de que o Reino dEle continue a crescer e vidas sejam salvas.

Aproveite e leve para a sala de aula um cartaz com diversos tipos de sementes. Coloque as sementes em saquinhos de sacolé e prenda-os no cartaz. Ao lado do saquinho, faça uma ficha com as informações referentes à semente: nome, origem, para que serve, benefícios, como é consumida, etc. Não se esqueça de apresentar a semente de mostarda entre as demais e mostre como uma tão pequena semente cresce e se transforma em uma grande planta.

Cadastre-se e receba ofertas e novidades por e-mail.