Lição 5 - Eu me Arrependo

1º Trimestre de 2020

A lição de hoje encontra-se em: Mateus 6.6-15; Jonas 1—3.

Caro(a) professor(a),

Na lição desta semana seus alunos conhecerão mais uma etapa do plano de Deus para salvar o ser humano da condenação eterna. Essa etapa recebe o nome de arrependimento, uma prática importante que envolve a ação do Espírito Santo em nos convencer do erro e nos mostrar o caminho certo que agrada a Deus.

Quando somos convidados a crer no sacrifício de Jesus Cristo para nos salvar e o reconhecemos como nosso único, exclusivo e suficiente Salvador, Deus sela uma aliança conosco. Nesta aliança Ele promete cuidar de nós para que estejamos preparados para o grande Dia em que teremos de nos encontrar com Ele face a face (1 Ts 5.23,24).

Como ocorre em toda aliança, ambas as partes devem cumprir com o que foi combinado no momento em que a aliança foi selada. Em nosso caso, devemos cumprir a parte que nos cabe de forma obediente a fim de mantermos firme o compromisso com Deus. Sendo assim, o arrependimento é a resposta do homem à ação do Espírito Santo em seu coração.

Infelizmente, nos dias atuais, há pessoas que são resistentes à Palavra da Verdade. Deus fala de diversas maneiras a fim de chamar o ser humano ao arrependimento. No entanto, alguns não querem obedecer, o que entristece muito ao Espírito Santo. A Bíblia declara que se ouvirmos a voz de Deus não devemos endurecer o nosso coração (cf. Hb 3.7,8). Quem endurece o coração para ouvir o que Deus tem a ensinar, infelizmente, acaba trazendo consequências desastrosas para sua vida, porquanto, há caminhos que parecem corretos aos olhos dos homens, mas, ao final, resultam em tristeza e morte (cf. Pv 14.12). 

O que Deus espera de cada pessoa é o arrependimento. Ele conhece a estrutura humana e sabe que não há nenhuma pessoa que tenha vivido muitos anos e nunca tenha pecado. Somente Jesus conseguiu realizar este grande feito. Por isso que somente Ele pode receber o nome de Filho Unigênito de Deus. Quanto a cada um de nós devemos nos arrepender e este deve ser um ato contínuo. A cada dia devemos reconhecer que não podemos ser salvos por conta próxima. Precisamos da graça divina para que alcancemos o perdão e assim sejamos purificados de toda injustiça.

Então, o que significa “arrependimento”? De acordo com a Bíblia de Estudo Pentecostal (1995, p. 1389): “O significado básico de arrependimento (gr. metanoeo) é ‘voltar-se ao contrário’; dar uma volta completa. Trata-se de abandonar os maus caminhos e voltar-se para Cristo e, através dEle, para Deus (At 8.22; 26.18; 1 Pe 2.25; Jo 14.1,6)”. Sendo assim o arrependimento é necessário, pois sem arrependimento não alcançaremos a remissão de nossos pecados, embora seja desejo do coração de Deus nos perdoar e salvar.

Para complementar o ensinamento da lição, compartilhe com seus alunos a seguinte atividade:

Distribua folhas de papel A4 para cada um de seus alunos e peça que escrevam a palavra pecado com letras maiúsculas em tamanho grande no centro da folha. Em seguida, peça que amassem a folha até formar uma bolinha de papel. Depois, peça que desamassem a folha e tentem deixá-la do modo como estava antes desse processo. É óbvio que eles não vão conseguir. Aproveite para explicar que assim o pecado faz em nossas vidas. Por mais que tentemos não conseguimos remover as marcas causadas pelo pecado. Mas graças a Deus por Jesus Cristo, pois crendo nEle, podemos receber o perdão divino e nascer de novo para viver uma nova vida de santidade e comunhão com o Criador.

Cadastre-se e receba ofertas e novidades por e-mail.