Lição 12 - O Amadurecimento Cristão

2º Trimestre de 2020

A lição de hoje encontra-se em: 1 Coríntios 13.11; 14.20.

Prezado(a) professor(a),

Na aula de hoje seus alunos terão a oportunidade de aprender a respeito do amadurecimento cristão. Talvez eles possam pensar que falar de maturidade é coisa para pessoas que já viveram bastante tempo e podem aconselhar os mais novos. No entanto, a Palavra de Deus nos ensina que enquanto estamos vivendo neste mundo nunca saberemos todas as coisas, pois sempre haverá algo novo a aprender. Assim como no crescimento físico o alimento é necessário para nutrir o organismo, na vida espiritual, é preciso se alimentar da Palavra de Deus para que o espírito esteja fortalecido. 

Vale ressaltar que conhecer as Escrituras Sagradas no que diz respeito aos aspectos histórico e teológico não é suficiente. É preciso haver um relacionamento próximo com o Senhor a fim de que as verdades bíblicas não estejam apenas no entendimento, mas no caráter de cada cristão. Quando as verdades bíblicas começam a fazer parte dos hábitos diários o caráter de Cristo passa a ser moldado na pessoa. E quando esse processo ocorre na conduta do crente de forma natural, este se torna alguém maduro, experimentado na Palavra e capaz de discernir entre o certo e o errado (cf. Ef 4.13-15). Ao passo que esses processos ocorrem, significa que o crente está madurecendo na fé. Já não depende de que alguém lhe diga o que deve fazer, pois sabe que é o próprio Deus quem o direciona e o leva por um caminho mais excelente (cf. 1 Co 12.31).

O apóstolo Paulo declara uma comparação na Carta que escreveu aos irmãos da igreja de Corinto quando diz: “Quando eu era criança, falava como criança, sentia como criança e pensava como criança. Agora que sou adulto, parei de agir como criança” (cf. 1 Co 13.11). Isso não significa que seus alunos devem deixar de pensar ou agir como crianças, afinal de contas, tudo tem o seu tempo. Mas o que o apóstolo está explicando nesta ocasião trata-se do nível de compreensão que temos acerca de Deus e o que podemos conhecer e receber dEle enquanto estamos nesta esfera terrena.

Deus, certamente, espera que seus filhos cresçam no entendimento. O que você sabe a respeito de Deus? O que seus alunos sabem e o que aprendem na sua aula são suficientes para que desenvolvam um relacionamento sincero com Deus? Esta é uma pergunta que você deve fazer a si mesmo antes de entrar em sala de aula. Você e seus alunos têm crescido espiritualmente? O que mede o nosso crescimento espiritual não é o nível de conhecimento adquirido ao longo da caminhada cristã, e sim o nível de relacionamento com Deus e a obediência aos seus ensinamentos. Somente poderemos dizer que estamos crescendo espiritualmente quando “fazer a vontade de Deus” for algo tão natural em nossa conduta que não nos sintamos mais obrigados a cumpri-la. Reserve um momento da aula para perguntas quanto ao conteúdo das lições que estudaram até o presente momento.

Excelente aula!

Cadastre-se e receba ofertas e novidades por e-mail.